Conceitos TI

O que é transformação digital?

Por Ulysses Dutra | 09.02.22
o que é transformação digital

Entenda o que é transformação digital, como iniciar esse processo na sua empresa e o papel da gestão de TI para o sucesso na sua implementação

Com a chegada da pandemia, empresas, colaboradores e consumidores passaram a adotar rapidamente novas soluções que impulsionaram o processo da transformação digital. Entre os principais motivos, o isolamento social e o crescimento do home office, que exigiram mais agilidade na digitalização dos mais diversos aspectos da sociedade e do mercado.

Por isso, este é um assunto que se encontra cada vez mais em alta no mapa de investimentos de empresas em todo o mundo, nos mais variados setores.

Segundo uma pesquisa da Rimini Street, empresa global de tecnologia, a transformação digital foi uma das 5 prioridades corporativas para 80% dos CFOs em 2021. Além disso, 71% deles pontuam que essa nova forma de fazer negócios é a chave do sucesso para as empresas onde atuam.

Leia mais: 12 Tendências de telecom e TI para 2022

Mas o que é transformação digital?

É um processo no qual a tecnologia passa a desempenhar um papel central nas empresas, com a digitalização aplicada em todas áreas de um modelo de negócio.

Isso envolve mudanças profundas na forma de operar e entregar real valor para os clientes, o que exige uma nova cultura organizacional e uma grande mudança na maneira como os negócios são feitos.

O principal objetivo da transformação digital é usar a tecnologia para otimizar processos e melhorar radicalmente o desempenho e o crescimento das empresas, bem como aprimorar a experiência do usuário.

Afinal, esses são pontos cruciais para aumentar a produtividade e manter a sustentabilidade em um cenário altamente competitivo.

Por isso, um outro estudo sobre o tema, focado no mercado brasileiro, revela que 45% das empresas brasileiras já estão implementando uma estratégia de transformação digital e 30,5% estão desenvolvendo ou planejando alguma estratégia. Somente 1,9% das empresas entrevistadas não possuem planos para transformação digital, mas 85% consideram que é importante prestar atenção no tema.

Gráfico com dados sobre o estágio da transformação digital nas empresas brasileiras

Isso porque, na medida em que os concorrentes avançam na transformação digital, a distância entre essas empresas e as demais torna-se cada vez mais difícil de ser superada.

As empresas mais bem sucedidas são aquelas que combinam uma cultura digital avançada, com lideranças fortes na gestão de TI, capazes de implementar soluções tecnológicas e disruptivas focadas em inovação, de forma ágil e eficaz.

Esse fator, que chamamos de maturidade digital, é imprescindível para que a digitalização tenha êxito e apresenta um grande impacto no resultado financeiro dos negócios.

Uma pesquisa revela que as empresas com maior nível de maturidade digital no Brasil, alcançam uma taxa de crescimento do EBITA até 3 vezes maior. Vale lembrar que o EBITA é a sigla, em inglês, para Earnings Before Interest and Taxes (Lucro antes de juros, impostos e amortização). Ou seja, são os ganhos reais de uma empresa.

Essas empresas utilizaram a tecnologia para aumentar sua eficiência, melhorar a experiência do cliente e realizar análise de dados, o que impulsionou ainda mais o crescimento e trouxe melhores resultados financeiros.

Nesse aspecto, um dos setores mais bem posicionados no país é o segmento de telecomunicações e TI, atrás somente do setor financeiro e do varejo, com 80% das empresas colocando os investimentos na transformação digital como prioridade.

Leia mais: O que é Tecnologia da Informação (TI)?

Etapas para implementar a transformação digital

Existe uma enorme gama de opções tecnológicas e estratégicas para impulsionar a transformação digital nas empresas, porém esse processo na maioria das vezes segue 3 etapas básicas:

ETAPA 1 – Planejamento estratégico

A transformação digital não depende apenas de maturidade digital ou de tecnologia para acontecer. Antes de iniciar essa jornada, é preciso ter um planejamento estratégico claro.

Ou seja, a transformação digital deve ser um meio para atingir um objetivo definido, como por exemplo:

  • Aumentar a produtividade;
  • Automatizar e simplificar processos;
  • Melhorar a agilidade;
  • Aumentar taxas de retenção e conversão;
  • Oferecer novos produtos e serviços;
  • Melhorar a experiência do usuário.

Para buscar esses objetivos, a tendência é que empresas brasileiras passem a investir cada vez mais nos próximos anos em categorias e temas como Analytics, Cloud Computing, Arquitetura de Sistemas, Automação e Cybersecurity.

ETAPA 2 – Analisar e projetar uma nova infraestrutura de TI

Aqui, a gestão de TI deve tomar decisões importantes sobre as tecnologias adotadas para a digitalização de processos, levando em conta a infraestrutura atual e os objetivos pretendidos.

Isso vai definir quais serão as mudanças implementadas para criar uma nova infraestrutura de TI e como serão realizados os processos, bem como os custos envolvidos, além de ajudar a identificar e reduzir possíveis riscos e vulnerabilidades.

Leia mais: Segurança Digital: qual a importância para as empresas

ETAPA 3 – Engajamento das pessoas

Essa é a etapa mais importante, pois compreende o trabalho de engajamento que é crucial para o sucesso da transformação digital em qualquer negócio, independente do segmento ou tamanho da empresa.

Afinal, por mais que a iniciativa deva partir das lideranças, esse é um projeto que deve ser importante para todas equipes e setores, com a gestão de TI assumindo um papel cada vez mais estratégico – como veremos em mais detalhes adiante.

Sendo assim, é fundamental promover a transparência das informações, o que aumenta em 3 vezes as chances de sucesso na transformação digital, bem como o conhecimento e a capacitação para atingir a maturidade digital necessária.

Para isso, deve-se investir em ações e atividades como treinamentos, webinars e workshops voltados para o reconhecimento do propósito.

Isso envolve, obrigatoriamente, a adoção das melhores práticas de comunicação, nos canais tradicionais e nos digitais, que deve ser permanente e clara para que todas as pessoas envolvidas entendam as metas e a razão de cada novo processo.

Importância do setor de telecomunicações para a transformação digital

Atualmente, não há como uma empresa crescer e manter-se sustentável sem se adaptar às demandas por novas tecnologias e pela digitalização, pois os clientes exigem uma experiência do usuário cada vez mais ágil, recompensadora e omnichannel.

Por essa razão, o cenário do pós-pandemia já aponta algumas tendências que vão impulsionar a transformação digital nos próximos anos:

  • Maior digitalização no relacionamento com os clientes;
  • Melhorias e expansão do trabalho remoto, com a criação de uma cultura ágil;
  • Revisão de processos internos e jornada do cliente com foco na geração de novas receitas.

Dessa forma, fica claro que para atingir esses objetivos com sucesso, as empresas de telecomunicações são fundamentais, com a oferta de novos produtos e serviços que incorporam soluções tecnológicas como:

  • Cloud Computing;
  • Tecnologias de internet móvel, como 5G;
  • Big Data;
  • Internet das Coisas;
  • Inteligência Artificial.

Essas novas tecnologias devem estimular empresas de todos os setores a se reinventar e criar novos modelos de negócio, com soluções que se tornam possíveis a partir da inovação oferecida pelo setor de telecom e TI.

Leia mais: Cloud Computing: o futuro da TI

O papel da gestão de TI inteligente na transformação digital

Como vimos, o sucesso da transformação digital depende, antes de mais nada, da maturidade digital das empresas.

Isso significa que a gestão de TI deve ser uma área cada dia mais estratégica para garantir as melhores soluções, alinhadas aos objetivos de negócio, e a criação de um ambiente ágil e moderno focado na inovação.

Por esse motivo, muitas empresas adotam uma tendência atual que é a integração da gestão de TI com todos os setores da organização, em especial nas áreas de marketing e vendas, bem como recursos humanos.

Um outro estudo sobre a transformação digital mostra que 70% dos gestores entrevistados relatam grandes mudanças nos seus times principais quando novos líderes que dominam tecnologias digitais, juntam-se às equipes de gestão.

Portanto, o engajamento dessas lideranças é essencial para o sucesso da transformação digital. Das empresas que atingiram suas metas nesse processo, a maioria absoluta provavelmente contou com líderes digitais experientes.

A pesquisa revela que as organizações que possuem um CDO (diretor digital) são 1.6 vezes mais propensas a implementar uma transformação digital com sucesso. Isso porque, nesse contexto, o papel do CDO vai desde a introdução de recursos digitais básicos nas organizações até transformações mais drásticas, como mudanças no funcionamento da empresa até a criação de negócios totalmente novos, sempre com foco no digital.

Conclusão

Em resumo, atualmente empresas de todos os segmentos precisam operar com um modelo semelhante ao das empresas de tecnologia, que são capazes de escalar rapidamente e impulsionar tecnologias novas e emergentes.

Isso tudo, com o objetivo de melhorar a produtividade, os resultados e a experiência do usuário, avançando com eficiência na digitalização de seus negócios.

É aí que entram soluções inovadoras para a gestão de TI, como a VC-X Sonar. Comece a transformação digital na sua empresa usando gratuitamente a nossa plataforma.

Avatar Ulysses Dutra

Por

Ulysses Dutra


Redator, jornalista e músico, aficionado por tecnologia & inovação, geopolítica e rock’n’roll/blues/funk/reggae/samba/soul

wid.studio